quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Deficiência de Iodo


DEFICIÊNCIA DE IODO
(Uma epidemia desconsiderada)

- Manner, M.G., et al. Salt Iodization for the Elimination of Iodine Deficiency. International Council for the Control of Iodine Deficiency Disorders. 1995.

- Modern Nutrition in Health and Disease, 9th Edition. Williams and Wilkins, 1999.

- Adrasi, E. Iodine concentration in different human brain parts. Analytical and Bioanalytical chemistry. November 13, 2003.

Artigo traduzido pelo Nutricionista Reinaldo José Ferreira – CRN 6141
reinaldonutri@gmail.com
www.suplementacaoesaude.blogspot.com

(David Brownstein, MD)

Eu estou envolvido com pesquisas sobre o iodo a sete anos. Durante este período, o iodo mostrou os melhores resultados clínicos quando comparado com qualquer outro nutriente.
Até a data atual, meus parceiros e eu pesquisamos o nível de iodo em mais de 5000 pacientes.
Os resultados mostram que mais de 96% dos pacientes testados possuem baixos níveis de iodo, sendo que a grande maioria são severamente deficientes em iodo.

Eu acredito que a deficiência de iodo está ocorrendo numa taxa epidêmica em todo os EUA. As consequências da deficiência de iodo são severas: retaedo mental, diminuição do QI (inteligência), déficit de atenção e hiperatividade (ADHD), infertilidade, problemas na tireóide, câncer de seio, próstata, ovários, tireóide e útero.
Infelizmente existe muita informação errada sobre o iodo.
As pessoas tem medo de usar o iodo devido a boatos sem fundamento
sobre este nutriente.
Por mais de 100 anos, o iodo é conhecido como o elemento necessário para a produção do hormônio da tireóide.
Entretanto, é raro ver qualquer outra informação sobre os outros benefícios do iodo. O iodo está presente em cada uma dos trilhões de células do corpo.

Sem os níveis adequados de iodo, a vida não seria possível.
O iodo não é somente necessário para a produção do hormônio da tireóide, ele é responsável também pela produção de todos os outros hormônios do corpo.
Níveis adequados de iodo são necessários para o funcionamento adequado do sistema imune.
O iodo possui uma potente ação antibacteriana, antiparasitária, antiviral e anticancêr. O iodo é também efetivo no tratamento de mamas fibrocísticas e cistos ovarianos. A tabela 1 que está no final do artigo mostra alguns dos muitos benefícios do iodo e algumas condições que podem se beneficiar com uma suplementação adequada de iodo.

Aproximadamente 1,5 bilhão de pessoas, cerca de um terço da população do planeta, residem em áreas defecientes em iodo como definido pela Organização mundial da saúde. As desordens pela deficiência de iodo podem resultar em retardo mental, bócio, aumento da mortalidade infantil, infertilidade e declínio sócio econômico.
A desordem por deficiência de iodo é a forma de prevenção mais comum de doenças como o retardo mental.
O iodo é relativamente um elemento raro, ele está situado em sexagésimo segundo lugar entre os mais abundantes elementos da terra. O iodo é encontrado principalmente na água do mar em quantidades muito pequenas e em rochas sólidas (usualmente próximas ao oceano) que se formam com a evaporação da água do mar. O iodo também pode ser encontrado em organismos marinhos, como as algas.

De fato, as algas são a mais abundante fonte de iodo porque elas possuem a habilidade de concentrar uma grande quantidade de iodo que retiram da água do mar.
O solo mais rico em iodo proporciona alimentos com maior quantidade deste mineral.
O iodo disponível comercialmente vem de diversas fontes: salitre chileno, algas marinhas e de água salgada de poços de petróleo.
Onde encontramos o iodo em nosso corpo?
Todas as células em nosso corpo contém e utilizam o iodo, mas as maiores concentrações estão presentes no sistema glandular.
A glândula tireóide possui a mais alta concentração de iodo do que qualquer outro órgão. Altas quantidades de iodo são também estocadas em muitas outras áreas do corpo incluindo as glândulas salivares, o fluído cérebro-espinhal e o cérebro, a mucosa gástrica, o plexo coróide, os seios, os ovários e o corpo ciliar dos olhos.

No cérebro, o iodo se concentra na substância negra, uma área do cérebro que está associada com a doença de Parkinson. O iodo é essencial para o crescimento e desenvolvimento normal da criança. A deficiência grave de iodo pode resultar em séria deficiência mental e surdez. Em adição, aborto espontâneo, como também o atraso no desenvolvimento físico e intelectual está associado com a deficiência de iodo.
O déficit de atenção por hiperatividade é uma doença também relacionada com a deficiência de iodo.
Reciprocamente, muito iodo pode ser um problema. Em casos raros, o excesso de iodo (doses maiores que 1 grama/dia) está associado com sintomas de hipertireoidismo.

 Qual a quantidade de Iodo que você necessita?

A melhor maneira de verificar a quantidade de iodo que você precisa é
fazer exames para ver o status de iodo no corpo. Os níveis de iodo podem ser checados no sangue ou na urina. O exame mais aceitado é o da urina. O melhor exame para verificar os níveis de iodo é o ensaio de carregamento de iodo. Este teste é feito ingerindo 50 mg de iodo; fazendo-se a coleta de urina por 24 horas.
Medindo a quantidade de iodo excretado na urina, você pode verificar o status corporal de iodo. Nossa pesquisa mostra que pessoas saudáveis têm aproximadamente uma excreção de 90%. Desta forma, se ela ingeriu 50 mg de iodo em 24 horas ela irá excretar 45 mg e reter 5mg. Quanto mais doente a pessoa está, geralmente menor é sua taxa de excreção.

Em essência, se a pessoa está muito doente, seu corpo pede por mais iodo e então ela excreta menos durante o carregamento de iodo. Nesse caso, ela irá reter uma grande parte da carga de iodo e sua taxa de excreção ficará abaixo de 90%.
O teste de carregamento de iodo ajuda muito a direcionar a dose adequada de iodo. Minha experiência mostra que a maioria dos adultos terão ótimos resultados com doses entre 20 a 25 mg por dia.
As crianças precisam de doses menores e esta pode ser calculada apropriadamente com base no seu peso corporal. Minha experiência prática mostra que indivíduos saudáveis tomando 50 mg de iodo por dia alcançará a suficiência de iodo em aproximadamente em 6 meses.
Entretanto, 50 mg de iodo para uma pessoa seriamente doente, apresentando câncer ou uma doença auto-imune; pode ser insuficiente para atender suas necessidades.
Minha experiência clínica mostra que os indivíduos doentes geralmente necessitam mais iodo do que os indivíduos saudáveis.
Os melhores resultados são obtidos usando o iodo como parte de um regime que inclui uma dose inteligente de vitaminas, minerais e hormônios bioidênticos.
Ao proceder a um programa de suplementação de iodo, é importante que use um iodo de uma empresa confiável.


 Considerações Finais:

Existe muita desinformação sobre o iodo. A deficiência de iodo está ocorrendo a taxas de epidemia.
Eu não tenho dúvidas que essa deficiência é responsável (pelo menos em parte) pela epidemia de câncer, seio, próstata e tireóide que ocorre a níveis alarmantes.
Minha experiência clínica mostra claramente que é impossível tratar essas desordens como também doenças crônicas como as doenças autoimunes sem assegurar uma ingestão adequada de iodo.
Março/2009



Ações Terapêuticas do Iodo
Antibacteriano
Anticâncer
Antiparasitário
Antiviral
pH Elevado
Agente Mucolítico



Condições que se beneficiam com o uso do Iodo
Déficit de atenção por hiperatividade
Arteriosclerose
Bócio
Cistos sebáceos
Desordens da tireóide
Doenças do fígado
Doenças da mama
Doenças do ovário
Doenças da próstata
Enxaqueca
Excesso de produção de muco
Fadiga
Hemorróidas
Hipertensão
Infecções vaginais
Mama fibrocística
Quelóides
Síndrome nefrótica

11 comentários:

  1. Reinaldo,
    comecei a tomar Lugol a uma semana.
    Gostaria de saber sua experiência e, principalmente, como conseguir aqui no Brasil. Eu trouxe de fora.
    Obrigada.
    Flávia Gontijo

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  3. onde fazer o exame de carregamento de iodo em Belo Horizonte?

    ResponderExcluir
  4. onde fazer o exame de carregamento de iodo em Belo Horizonte?

    ResponderExcluir
  5. Boa noite, poderá me indicar onde posso obter a Solução de Lugol?
    Obrigado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fornecedor do Sal Rosa do Himalaia grosso, fino e granulado pra churrasco (especial), Cloreto de Magnesio PA, Kit agua alcalina, Azeite Portugues importado Esporão 500 ml , Bicarbonato de Sodio PA, Solucao Lugol Forte 5%, Tintura de iodo a 2%, pra tirar agrotoxicos das frutas, verduras e legumes, tudo no link:
      http://lista.mercadolivre.com.br/_CustId_51271647

      Excluir
    2. Fornecedor do Sal Rosa do Himalaia grosso, fino e granulado pra churrasco (especial), Cloreto de Magnesio PA, Kit agua alcalina, Azeite Portugues importado Esporão 500 ml , Bicarbonato de Sodio PA, Solucao Lugol Forte 5%, Tintura de iodo a 2%, pra tirar agrotoxicos das frutas, verduras e legumes, tudo no link:
      http://lista.mercadolivre.com.br/_CustId_51271647

      Excluir
  6. Boa noite, poderá me indicar onde posso obter a Solução de Lugol?
    Obrigado.

    ResponderExcluir
  7. Fornecedor do Sal Rosa do Himalaia grosso, fino e granulado pra churrasco (especial), Cloreto de Magnesio PA, Kit agua alcalina, Azeite Portugues importado Esporão 500 ml , Bicarbonato de Sodio PA, Solucao Lugol Forte 5%, Tintura de iodo a 2%, pra tirar agrotoxicos das frutas, verduras e legumes, tudo no link:
    http://lista.mercadolivre.com.br/_CustId_51271647

    ResponderExcluir
  8. Fornecedor do Sal Rosa do Himalaia grosso, fino e granulado pra churrasco (especial), Cloreto de Magnesio PA, Kit agua alcalina, Azeite Portugues importado Esporão 500 ml , Bicarbonato de Sodio PA, Solucao Lugol Forte 5%, Tintura de iodo a 2%, pra tirar agrotoxicos das frutas, verduras e legumes, tudo no link:
    http://lista.mercadolivre.com.br/_CustId_51271647

    ResponderExcluir